Guia de Compras para Parafusadeiras

Guia de Compras Parafusadeira

Como escolher uma parafusadeira?

A Parafusadeira é uma ferramenta elétrica que está presente nos mais diversificados segmentos do mercado, desde os mais profissionais até os mais simples, como reparos residenciais, por exemplo.

No mercado são disponibilizadas infinitas opções da máquina, variando de voltagem, design, peso, potência e outros aspectos. Mas como saber qual é a máquina ideal para suprir as suas necessidades?

Antes de procurar por uma parafusadeira é preciso ter em mente qual será o tipo de atividade a ser realizada e em quais materiais a máquina atuará: metal, madeira, etc.

Agora que você já sabe qual é o seu objetivo de trabalho, fica mais fácil encontrar a opção ideal, sem arrependimentos e sem gastar dinheiro atoa.

Para te auxiliar durante a compra, separamos algumas especificações técnicas que são de extrema importância e que passam despercebidas por quase 65% dos consumidores:

Parafusadeiras

Fonte de energia ou fonte de alimentação

Ao procurar por uma parafusadeira você encontrará duas opções: máquinas com funcionamento a bateria e máquinas com funcionamento elétrico, ou seja, que devem ser ligadas a tomada.

As parafusadeiras a bateria funcionam por intermédio das baterias de íon-lítio e costumam ser mais leves e ergonômicas. Elas também oferecem melhor movimentação durante as atividades e capacidade de compartilhamento de baterias com outras máquinas.

A desvantagem de utilizar uma parafusadeira a bateria está no seu tempo de uso que acaba sendo reduzido devido a necessidade de carregamento. Então para trabalhos de longa duração, é necessário possuir mais de uma bateria para não precisar ficar interrompendo a operação para carregá-la.

Mesmo que possuam a mesma potência e capacidade de uso, as parafusadeiras elétricas costumam ser as mais escolhidas pelos profissionais que trabalham com aplicações mais pesadas, como em setores industriais, por exemplo.

As parafusadeiras elétricas não são limitadas a carga, por esse motivo proporcionam liberdade de uso por muito mais tempo.

O ponto negativo de utilizar uma parafusadeira elétrica está na sua limitação ao movimento. Por estar ligada a tomada, o usuário precisará trabalhar somente até onde o fio chegar, entretanto é um problema que pode ser resolvido com o uso de extensões.

Voltagem

Prestar atenção na voltagem também é crucial, principalmente se você optar por adquirir uma parafusadeira elétrica.

Uma máquina não pode funcionar em uma voltagem diferente da qual é indicada, caso isso aconteça, a ferramenta poderá “pifar” ou queimar, de maneira imediata.

Em relação a voltagem das baterias, quanto mais volts ela possuir, maior será o seu tempo de duração.

As parafusadeiras bivolt são ideais para quem trabalha em diversos locais, sem que haja a necessidade de saber a voltagem de cada um deles. A função bivolt permite com que a máquina atue em todas as voltagens.

Torque

O torque pode ser entendido como o aspecto responsável por fornecer a força que uma máquina é capaz de desempenhar durante suas atividades.

Essa força varia de acordo com a utilização das máquinas, com o tamanho dos parafusos e com os materiais base.

Se as suas atividades exigem baixo índice de força, as parafusadeiras com torque baixo, tais como 3 N.m e 10 N.m, por exemplo, são as melhores soluções, uma vez que você não quer danificar a sua superfície aplicando uma força maior do que ela é capaz de aguentar.

Já se às suas atividades exigirem um índice maior de força, as máquinas com nível médio de torque (de 20 a 30 N.m) e as de alto nível (acompanhando torque superior à 50 N.m), tornam-se as melhores soluções para essas aplicações, ganhando o nome de ‘Parafusadeiras de impacto’.

Controle de torque

As parafusadeiras são máquinas que possuem anel seletor de torque para que o usuário seja capaz de controlar a intensidade da máquina, a fim de executar as atividades de acordo com as suas necessidades.

Esse seletor de torque é qualificado para definir qual é o limite mínimo e máximo de força aplicada. As menores regulagens tendem a ser utilizadas para a aplicação de parafusos menores e em superfícies mais “sensíveis”.

As regulagens mais intensas auxiliam nas atividades que demandam mais força, como nas aplicações de parafusos maiores e em materiais mais resistentes.

O torque quando selecionado de maneira inadequada, é capaz de prejudicar os materiais e as peças utilizadas, além de danificar a própria máquina, trazendo, muitas vezes, problemas irreversíveis que resultam na perda da ferramenta.

Design atrativo e conforto

Ao pensar em uma parafusadeira, precisamos considerar as atividades que serão realizadas durante um longo período de tempo. Busque sempre optar por máquinas que estejam aptas a oferecer um manuseamento mais confortável e prático, não importa o tempo de duração da atividade.

Se uma máquina conseguir proporcionar conforto e reduzir a exaustão do usuário durante as atividades mais longas, significa que qualquer trabalho será realizado com facilidade e praticidade.

O design é um aspecto que faz toda a diferença. Cada vez mais, as marcas têm buscado desenvolver e oferecer ao mercado, máquinas que sejam robustas e que acompanhem empunhadura ergonômica e emborrachada para proporcionar maior conforto e segurança.

A ergonomia, além de oferecer proteção também garantem com que os usuários adquiram melhor pegada, evitando com que as mãos fiquem escorregando enquanto estão manuseando a máquina.

Agora que ficou mais fácil de escolher a sua máquina, é só navegar pelo nosso site e adquirir a melhor parafusadeira para as suas atividades. Lembre-se de sempre utilizar os equipamentos de segurança adequados para desempenhar as atividades.

  • :(Ops!Sua sacola está vazia