Chumbadores

    Mostrado de 1 à 24 de 84 Produtos encontrados.

    Grade Lista

    Definir Direção Ascendente
    Navegue
    Mostrado de 1 à 24 de 84 Produtos encontrados.

    Grade Lista

    Definir Direção Ascendente
    Navegue
    Chumbadores

    O que são os chumbadores?

    Os chumbadores são elementos de ancoragem utilizados para realizar a fixação de componentes em vários tipos de materiais base, sendo parte fundamental dos sistemas de fixação para Construção Civil.

    Eles são divididos em dois tipos de chumbadores, sendo os mecânicos, que como o nome já diz, atuam através de ações mecânicas e os químicos, que são aqueles cuja resistência aos esforços decorrem da ação da mistura de dois ou mais elementos químicos.

    Como acontece a fixação dos chumbadores?

    Para cada necessidade, existe um sistema específico capaz de gerar uma ligação eficiente. Por esse motivo é super importante conhecer todos os métodos de funcionamento dos chumbadores e a maneira em que atuam nos materiais base.

    Os principais métodos de fixação são classificados em cinco tipos:

    - A fixação por expansão;
    - A fixação por adesão;
    - A fixação por acomodação;
    - A fixação por interferência;
    - E a fixação por reação.

    Chumbadores

    Quais aspectos avaliar antes de escolher o chumbador?

    Antes de escolher o chumbador mecânico ou químico certo é preciso observar alguns fatores que influenciam diretamente em seu desempenho, como:

    Verificar as cargas de trabalho

    As cargas são forças aplicadas a um componente da estrutura ou a estrutura como uma unidade. Em sistemas de fixação utilizamos o termo “carga” para toda força atuante sobre um sistema de fixação.

    Identificar o tipo de montagem

    O tipo de montagem pode ser fixação de superfície (ou pré-instalada), aquela em que o chumbador é instalado e depois, retira-se a porca ou parafuso para posicionamento da placa de base; Fixação passante, onde a placa de base é posicionada e o chumbador é instalado através desta e a fixação distante, montagem em que a peça a fixar fica distante da base de ancoragem.

    Chumbadores

    Escolher o material base

    Os materiais bases (concreto maciço, chapas, etc) possuem influência direta no desempenho de uma fixação, por isso é tão importante defini-lo e avaliar a sua capacidade de resistência para a escolha do fixador.

    Considerar todos os fatores de segurança

    Os fatores de segurança implicam na necessidade de prevenir incertezas dos materiais, das aplicações e de possíveis variações que podem comprometer a ancoragem.

    Identificar os agentes corrosivos.

    A corrosão pode reduzir a capacidade de carga de um chumbador.

    O que é uma ancoragem química?

    O sistema de ancoragem química é baseado na adesão e está diretamente relacionado à mistura de dois ou mais componentes que ao reagirem quimicamente, criam uma massa homogênea. O resultado desta mistura resulta em uma ligação mais forte do que o material de base em si.

    A principal vantagem de utilizar este sistema, está na versatilidade, pois pode ser aplicada em cargas médias e pesadas, estáticas e dinâmicas.

    Chumbadores

    Onde a ancoragem química é utilizada?

    Esse sistema é usado na fixação de elementos de aço/estruturas, além de ser bastante utilizado em concreto e alvenaria com o auxílio de acessórios específicos e dos compostos químicos corretos.

    Quais são os tipos de ancoragem química?

    Os principais sistemas de ancoragem química são separados em:

    Injeção

    O sistema bicomponente de injeção de alta resistência é formado por um cartucho, um bico misturador e um aplicador. Ele é utilizado com barras roscadas e vergalhões para realizar aplicações em materiais maciços como rochas, concreto e bases ocas (com o auxílio de camisa).

    Os chumbadores de injeção garantem maior dinamismo em aplicações em série e em aplicações com angulações diversificadas, sendo fixação no teto ou na parede em ângulos desfavoráveis, por exemplo.

    Os principais chumbadores de injeção são desenvolvidos à partir de três tipos de materiais: o epóxi, o metacrilato (viniléster) e o poliéster.

    Chumbadores

    Ampola

    O sistema de fixação por ampola é constituído por uma cápsula de vidro selado, composto de resina e endurecedor na exata proporção, para realizar a fixação de componentes em materiais de base maciços como concreto e rocha.

    Tal sistema é responsável por um desempenho mais efetivo em aplicações que necessitam de um maior intervalo de tempo entre a realização das ancoragens e em situações que demandam aplicações mais pontuais, já que a quantidade de ampola é proporcional a quantidade do furo a ser executado.

    Os chumbadores químicos de ampola são desenvolvidos, principalmente, em epóxi acrilato (viniléster).

    Mas como definir qual dos dois tipos de ancoragem química utilizar?

    Para determinar qual tipo de ancoragem química utilizar no seu processo de fixação, é necessário atentar-se às particularidades do seu projeto, como:

    - Qual o sentido da aplicação;
    - Qual a carga de trabalho;
    - Quais as condições do substrato;
    - Qual a dinâmica de aplicação;
    - Qual a quantidade de aplicação.

    Chumbadores

    O que é uma ancoragem mecânica?

    Os chumbadores mecânicos são sistemas que trabalham diretamente por intermédio de ações mecânicas. Através dessas ações, o sistema gera expansão (aumento do diâmetro) ou efeito de interferência ao laminar a parede do furo (formar uma rosca), dependendo do modelo em questão, com a finalidade de fixar componentes em tipos variados de materiais base.

    Onde a ancoragem mecânica é utilizada?

    Os itens para ancoragem mecânica são indicados em atividades necessitem de suporte de cargas leves em ambientes ocos e maciços.

    O seu sistema de acomodação utiliza buchas de poliamida (nylon) ou de componentes em aço que, com o auxílio de parafusos, expandem-se a um tamanho maior que o do furo nominal, proporcionando a acomodação no lado oposto do material base e gerando assim, um ponto de ancoragem.

    Chumbadores

    Quais são os tipos de ancoragem mecânica?

    Assim como a fixação química, a ancoragem mecânica também possui dois tipos específicos para suprir as necessidades dos usuários:

    Expansão

    Os chumbadores de expansão controlada por torque acompanham desenho exclusivo para garantir com que o encaixe aconteça com perfeição e não possuem limitação de profundidade para que a instalação seja concluída. Além disso possuem alto desempenho de tração.

    Eles são indicados para instalações elétricas, hidráulicas, de estruturas e peças metálicas, instalações de ar condicionado, sistemas contra incêndio e gás e para várias outras aplicações.

    Acomodação

    Os chumbadores de acomodação são os melhores produtos de ancoragem mecânica para bases ocas e para fixações em materiais maciços e maciços porosos.

    São ideais para aplicações em equipamentos (ar condicionado, antenas, tvs), em peças metálicas leves (corrimão, apoios) e em móveis (estantes, prateleiras, gabinetes).

    Aqui na A Mega Loja você encontra os melhores chumbadores do mercado!

    0 Meu Carrinho
    Seu Carrinho está vazio
    Navegue por nossa loja e encha seu carrinho com as melhores ofertas!